O juiz da 13ª Vara Federal, Sérgio Moro, tem um encontro marcado às 09h30 desta quinta-feira (1º) com o presidente eleito Jair Bolsonaro (PSL). A reunião, que também terá a presença do vice de Bolsonaro, general Hamilton Mourão (PRTB), ocorrerá na casa do ex-capitão do Exército, no Rio de Janeiro. Moro deve comunicar se aceita o convite para comandar o Ministério da Justiça. A informação é de que o novo desenho do MJ seria mais ampliado, incluindo a área de Segurança Pública, mais a Secretaria da Transparência e Combate à Corrupção, além da CGU e o Coaf. Se aceitar ingressar no futuro governo e depois ser indicado para o Supremo, Moro vai repetir a trajetória do ministro da Corte Alexandre de Moraes. A pessoas próximas, Moro disse que poderia fazer "coisas boas" na Justiça. Uma questão fundamental seria ter o controle da PF. Por isso, uma eventual fusão da Justiça com Segurança Pública seria importante para a decisão do juiz da Lava Jato.